fevereiro 18, 2007

Queques de Cenoura

O tempo anda muito instável, um dia chove, outro faz sol. Os dia de chuva têm o condão de me mobilizar para a cozinha, porque o calor do forno aquece o ambiente e os odores que liberta convidam a um chá quentinho, acompanhado com bolinhos como estes. Para as minhas filhotas, que não apreciam chá, um sumo de laranja.




São macios e delicados; os sabores da laranja e da cenoura conjugam-se agradavelmente.

Batem-se 100 g de manteiga com 150 g de açucar até ficar em creme; juntam-se os 3 ovos, um a um, 1 chávena de chá de puré de cenoura, bem escorrido, e 200 g de farinha peneirada com 1 colher de chá de fermento em pó.
Quem gostar pode ainda juntar 60 g de corintos. Mexe-se bem a massa e verte-se em forminhas de queques, bem untadas com manteiga e polvilhadas com farinha. Levam-se ao forno a 180ºC durante cerca de 25 minutos.


Nota 1: Já preparei estes queques com abóbora cozida e escorrida em lugar da cenoura, e ficam igualmente muito bons.

Nota 2: Juntem um pouco de sumo ou raspa de laranja ou tangerina à massa, ficam ainda melhores!

13 comentários:

o avental disse...

Um dia, quando as vir, compre formas de silicone, poupam o trabalho de untar e enfarinhar, pelo menos para mim bastante enfadonho. Não são caras.

Andei à procura do e-mail do blogue para lhe perguntar não publicamente aonde é que se arranjam sementes de poejos. Como não o encontrei, faço a pergunta aqui, que tem uma resposta óbvia: numa casa de sementes. Mas parece-me que serão muito mais raras do que as de couve :)

Paula19 disse...

Estes queques eu vou experimentar com certeza.

Eliana Scaramal disse...

Humm esses vão passar rapidinho pela minha cozinha!

Paula disse...

Avental, estive ausente durante alguns dias. O meu mail aparece no "perfil", de facto tenho que trazê-lo para a página principal.
Na verdade há anos que o meu pai plantou os poejos, não sei onde arranjou a semente! Contudo, não será difícil recolher alguma na altura própria, e terei todo o gosto em lha enviar, se não a encontrar entretanto.

Quanto às formas de silicone estão de facto na lista das próximas aquisições, por serem bem mais práticas!

Paula disse...

Paula e Eliana: experimentem os queques porque são realmente muito bons! :)

o avental disse...

Obrigado pela disponibilidade, Paula. Encontrei poejos no Continente daqui e já fiz o tal puré. Creio, comodista como sou, que a prateleira de onde os "colhi" passa a ser o meu canteiro de ervas aromáticas :)

Elvira disse...

Já experimentou com um fio de sumo de laranja...? Ficam divinais! :-)

Mónica disse...

há vários dias que tento ver a foto desta receita mas não consigo, que se passará?

Paula disse...

Mónica, também me acontece às vezes não conseguir visualizar as fotos. Experimenta clicar com o botão direito do rato em cima dela, e seleccionar "mostrar imagem". Normalmente resulta.

Paula disse...

Elvira, efectivamente eu junto-lhes um pouco de raspa de laranja, que me esqueci de enunciar nos ingredientes, e que é um toque "mais" nestes queques!

Itza disse...

Paula, amei esta receita! Vou fazer pra Brenda levar pro colégio!!! Deliciosa e saudável! Beijocas!

Cantinho da Sofia disse...

Já experimentei a receitinha!!! Ficaram mesmo muito bons e a família adorou! Obrigado pela ideia!

Beijinhos!

Sofia

Paula disse...

Sofia, fico sempre muito feliz quando as minhas receitas correspondem ás expectativas dos meus leitores!

Beijinhos.