julho 04, 2006

Mini-pizzas de courgette e camarão


Gosto de fazer massas levedadas e por isso costumo preparar eu mesma as pizas cá em casa.
Gostei desta receita, que associa dois ingredientes que não é muito comum ver juntos.

Podem fazê-las para petiscar durante o jogo Portugal - França, para comemorar a vitória!...

Em vez das pequeninas também podem fazer uma grande, evidentemente.

Para a massa:
250 g de farinha
10 g de fermento de padeiro
1 pitada de açucar (o fermeno alimenta-se dele por isso junto sempre um bocadinho)
1, 25 dl de água morna
1 colher de chá de sal
2 colheres de sopa de azeite

Para o recheio:
250 g de courgette
1 cebola pequena
2 colheres de sopa de manteiga
2 colheres de sopa de natas
sal, pimenta, noz moscada
tomilho ou orégãos a gosto
1 fio de sumo de limão
150 g de camarões descascados
100 g de queijo emmental ralado

Coloca-se a farinha numa tigela e abre-se uma cova; desfaz-se o fermento num pouco de água morna e junta-se a pitada de açucar. Verte-se na cova da farinha. Deixa-se repousar durante uns 15 minutos até o fermento começar a borbular. Nessa altura junta-se o resto da água, o sal e o azeite e amassa-se até descolar da tigela. Polvilha-se com farinha e deixa-se levedar, coberta, até duplicar de volume.

Enquanto isso, raspem 2/3 das courgettes e cortem a restante às rodelas.
Alourem a cebola na manteiga e juntem a courgette raspada; deixem cozer 3 minutinhos.
Misturar as natas e temperar com o sal, pimenta, noz moscada e tomilho ou orégãos, e umas gotas de sumo de limão.

Estende-se a massa, deixa-se o rebordo um pouco mais grosso, cobre-se com o recheio e algumas rodelas de courgette, e dispõem-se por cima os camarões e o queijo.

Levam-se a forno médio durante uns 15 minutos, e comem-se quentinhas, acabadas de sair de lá!

3 comentários:

Marco Aurélio disse...

Paula

Também tenho uma receita de pizza:

http://profcorelio.blogspot.com/2006/05/estou-farto-de-ouvir-tudo-vai-acabar.html

Tivemos sorte aqui no Brasil de sermos eliminados, pois haveria um intenso uso político do resultado que traria muitos danos sociais ao país. Poderia até mesmo influir nos resultados das eleições de outubro. Boa sorte para Portugal. De coração!

Um abraço

Marco Aurélio

Eliana Scaramal disse...

Aqui em São Paulo a pizza é adorada!

Paula disse...

Marco, obrigado pela visita, que serviu também para ficar a conhecer o seu blog. Gostei muito, não só da receita da sua pizza, como das opiniões interventivas e inteligentes! E viva a net, que nos permite conhecer tantas pessoas simpáticas.

Um abraço também para si, do lado de cá do oceano.