maio 03, 2007

Amores-perfeitos



Lindos, no jardim...



Custava a crê-las ali,
Inertes, escondidas
Gelada e morta a terra,
As árvores despidas.


(Autor desconhecido)