julho 13, 2011

Sopa de Tomate à moda da mãe


Esta é uma especialidade da minha mãe. É muito simples e saborosa, como quase tudo que ela cozinha.
Deixo aqui a receita, porque em breve vai chegar a época forte dos tomates dos quintais, bem vermelhinhos e saborosos, sem nada a ver com os desenxabidos tomates de estufa de inverno.

Sabem como é, para as mães as quantidades são a olho, fruto da experiência de muitos anos! :)

Apenas como orientação:

azeite e sal q.b.
1 kg de tomate maduro
400g de batatas
2 cenouras 
1 nabo
1 cebola grande
2 dentes de alho
1 punhado de arroz
1 pitada de pimenta branca

croutons para servir (facultativo)


Comecem então por tratar dos tomates: um corte na base e um escaldão em água a ferver facilitam a tarefa de os pelar. Retirem-lhe também as sementes e cortem em pedacinhos miúdos. Reservem.

Numa panela coloquem um fundo de azeite. Juntem a cebola às rodelas e o alho picado. Levem ao lume e deixem murchar sem alourar a cebola. Juntem os restantes legumes cortados em pedaços e cubram com água suficiente para cozer. Temperem com sal. Quando estiverem tenros, passem a sopa com a varinha ou passe-vite e juntem o tomate. 
Deixem apurar até o tomate estar bem cozido e desfeito. Verifiquem a consistência da sopa e rectifiquem o sal; juntem um pouco de água se necessário, mais um fio de azeite e uma pitada de pimenta.

Um pouco antes de retirar a sopa do lume a minha mãe costuma juntar-lhe um bom punhado de arroz; acho que é o que lhe dá aquele toque materno...
Se o juntarem, deixem cozer mais uns cinco minutinhos. Depois desliguem o fogão e tapem a panela. 
O arroz continua a cozer e "abre" apenas com o calor da sopa.

Serviam simples ou com croutons.

Também gosto desta sopa fria, nos dias de calor intenso.


3 comentários:

moranguita disse...

por acaso e uma sopa que nunca fiz nem comi
mas esta excelente sim senhora
apetece comer
beijinhos

Fresco e Fofo disse...

Acho que a minha mãe fazia uma sopa parecida. Nunca tirei a receita, pois era muito miúdo, mas pelo aspecto... e não havia "varinhas". lol
Recordo-me de uma sopa de feijão e arroz, feita numa panela de ferro com três pés, que ficava uma delícia. Estava era quase um dia inteiro ao lume de lenha.

Paula disse...

Moranguita, experimente lá a sopinha de tomate... não se arrepende.

Fresco e Fofo: essas que se faziam durante horas ao lume de lenha é que eram sopas!... Tive a sorte de comer algumas, ainda miúda, em casa de tias-avós.